Telemedicina, entenda como funciona

A telemedicina tem sido a opção escolhida para o atendimento médico de muitos brasileiros desde o início da pandemia. 

As normas de distanciamento social e a apreensão quanto à exposição ao vírus da Covid-19, fez com que as pessoas escolhessem a consulta online como forma de manter a saúde em dia, sem correr riscos, visto a importância dos exames de rotina.

A teleconsulta serve para substituir o primeiro contato presencial entre médico e paciente. Com ela, é possível realizar a triagem, solicitação de exames, recomendação de medicamentos e, dependendo do quadro, o encaminhamento do paciente a uma consulta presencial em um hospital ou clínica especializada.

Diversos convênios de saúde e plano odontologico já estão atendendo por meio desse serviço, pois ele auxilia no controle da disseminação da pandemia e facilita o acesso do paciente ao serviço médico de qualidade. 

Inclusive, devido às facilidades e otimizações, a tendência é que mesmo após a pandemia a oferta da telemedicina se mantenhal

O que é a telemedicina?

Desde o início da pandemia, o Brasil liberou a realização de teleconsultas como medida emergencial para o atendimento mais seguro do público. No entanto, existem restrições a esse suporte.

O telemonitoramento deverá servir para assistir às necessidades do paciente considerando as doenças e condições pré-existentes, esclarecendo dúvidas, realizando recomendações de tratamento e também para monitorar a evolução de cada quadro específico. 

Deste modo, é possível avaliar a necessidade de encaminhar o paciente para um exame clínico presencial em um hospital.

O exame físico no paciente é primordial para a melhor realização do diagnóstico e a escolha do tratamento mais aconselhável.

No entanto, diante das necessidades atuais, o principal objetivo tornou-se curar doenças e ferimentos ao mesmo tempo em que evita-se aglomerações, superlotações de consultórios e impede a exposição de pacientes, médicos e assistentes ao novo coronavírus.

A utilização do plano odontologico empresarial tem sido a opção escolhida pelas empresas, para garantir o acesso de seus funcionários a esse tipo de serviço. Garantindo assim, a saúde de todos os seus colaboradores.

Como é a realização da consulta online

O atendimento é realizado de forma 100% online, com o auxílio de aplicativos de uso exclusivamente médicos e da clínica, sendo filtrado por filtros de usuários – uma vez que o código de ética proíbe o uso de qualquer meio de distribuição de informação em massa para a realização de diagnósticos ou prescrições.

As consultas são feitas por vídeo chamadas e poderão utilizar de aplicativos que possam ajudar na coleta de dados importantes, como a pressão arterial e até a checagem da garganta do paciente. 

Contudo, também poderá exigir o uso de materiais domésticos como o próprio aparelho de pressão ou um termômetro.

Na prática, existem três formas de praticar a telemedicina:

  1. Telemonitoramento

Por meio das plataformas online disponíveis pelo convenio odontologico ou de saúde geral, o médico e o paciente trocarão informações sobre o quadro clínico, necessidades, doenças prévias, resultados de exames, entre outros procedimentos.

  1. Telecapacitação

É realizada apenas entre os próprios médicos para a troca de informações e laudos de exames para ajudar na definição do melhor diagnóstico ou as indicações de tratamentos mais acertadas. É utilizado nos quadros de acompanhamento de uma equipe multidisciplinar.

  1. Teleorientação

Serve como um tipo de retorno laboratorial. Com a divulgação dos resultados dos exames e os laudos médicos, será orientado ao paciente o encaminhamento necessário. 

Neste ponto, cabe ressaltar que os resultados podem ser acessados a partir de diversos dispositivos eletrônicos com acesso a rede de internet, sendo compartilhados pela clínica de exame e profissional, ou entre clínica, paciente e profissional.

Apesar disso, podem existir algumas exceções. O cirurgião-dentista, por exemplo, só poderá realizar o telemonitoramento com pacientes que já realizam tratamento pessoalmente. 

Ou seja, a primeira consulta deverá ser presencial para que as demais possam ser feitas no modelo da telemedicina. Independentemente do formato, os planos odonto empresarial tendem cobrir todos os tipos de consultas diagnósticas.

Benefícios do atendimento à distância

Além do principal ganho, que é o menor risco de contaminação e disseminação da Covid-19, a consulta à distância apresenta inúmeras outras vantagens, como o acesso ao auxílio médico de qualidade para pacientes que moram em áreas distantes e exclusas.

Ainda que algumas modalidades da medicina só estejam liberadas para o uso em caráter excepcional e devam ser restringidas após o controle da pandemia, esse modelo apresenta alta probabilidade de se manter e trazem a otimização da rotina do profissional e do paciente.

Além disso, há o barateamento dos custos de consultas, o que incentiva ainda mais o acompanhamento frequente à profissionais de qualidade. Outras vantagens são:

  • Acesso a consultas mais rápidas e objetivas;
  • Aceleração no tempo de tratamento;
  • Agilidade na obtenção de receitas medicamentosas;
  • Segurança no atendimento;
  • Redução do tempo de espera;
  • Acesso a profissionais de qualidade.

O conforto de ser atendido na sua própria casa é também uma das principais vantagens para o paciente. 

Essa “regalia” pode ser primordial para a manutenção de uma saúde melhor e para a tranquilidade mental de que a segurança médica está garantida, o que também permite uma melhor organização da agenda de ambos.

Inclusive, visto as vantagens (principalmente em relação a otimização do tempo), esse tipo de benefício pode ser estendido para os funcionários de empresas, pela contratação de um plano dental coletivo empresarial

Assim, além de garantir a segurança,o acesso aos profissionais passa a ter um custo ainda mais reduzido e pode aumentar a produtividade de toda a sua equipe.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Networkflow, especializada em materiais para network, empreendedorismo e dicas para a saúde e qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *